09 Maio
Por
Tua Saúde

Como tratar a Gastrite na Gravidez

O tratamento para gastrite na gravidez é feito principalmente através de alterações na alimentação e com a ajuda de remédios naturais como gengibre e chá de camomila, que diminuem os enjoos e melhoram a digestão. As chances de ter gastrite durante a gestação aumentam devido às alterações hormonais e ao aumento de estresse e ansiedade que são normais nesta fase da vida também podem causar problemas no estômago. Além disso, é importante destacar que a gastrite não prejudica o bebê, mas que só se deve tomar medicamentos para combater este problema de acordo com orientação médica. O tratamento para gastrite na gravidez é feito principalmente com alterações na alimentação, podendo-se utilizar também plantas medicinais para ajudar a aliviar os sintomas.

Sintomas

Os sintomas da gastrite durante a gravidez são os mesmos que outras fases da vida, podendo aparecer:

Azia e dor no estômago;

Soluços constantes;

Vômitos;

Má digestão;

Fezes escuras.

Esses sintomas aparecem principalmente após as refeições ou quando se fica muito tempo sem comer, além de poderem piorar em momento de estresse ou ansiedade.

O que comer

Para saber o que comer, é importante estar atento a quais alimentos mais causam os sintomas de dor, enjoos e má digestão, pois eles podem variar de acordo com cada pessoa. No entanto, é importante aumentar a ingestão de alimentos secos e de fácil digestão, como bolachas sem recheio, pão integral, salada refogada, carnes brancas, peixes e frutas. Além disso, deve-se lembrar de mastigar bem os alimentos e comer a cada 3 horas, pois pular refeições faz com que o ácido do estômago cause mais feridas e dor. Veja outras dicas para combater a azia na gravidez.

O que não comer

Para controlar a gastrite, deve-se retirar da dieta alimentos como frituras, carnes gordurosas e processadas como linguiça e salsicha, pimenta, preparações muito temperadas, doces, pão branco e alimentos ácidos como abacaxi, tomate e laranja. Além disso, é importante evitar refrigerantes, bebidas com cafeína como café e chá mate, pois causam irritação no estômago e pioram o problema.

Remédios naturais

Algumas plantas medicinais podem ser usadas durante a gravidez para melhorar a digestão e diminuir os enjoos, como o gengibre, a camomila, a hortelã-pimenta e o dente-de-leão. No entanto, é importante lembrar que mulheres que tomam medicamentos para diabetes não podem consumir o chá de dente-de-leão. Esses chás devem ser tomados pelo menos 2 vezes por dia, de preferência ao acordar e entre as refeições.

Remédios de farmácia

Os remédios de farmácia costumam ser a última opção do médico no tratamento da gastrite, pois eles podem prejudicar o desenvolvimento do feto. No entanto, quando necessário, pode-se usar medicamentos a Magnésia Bisurada, o Leite de magnésia ou o Milanta plus.

Voltar

Outras Notícias

04 de Fevereiro de 2016

Durante o Carnaval aumenta o risco de contaminação por diferentes doenças

05 de Agosto de 2016

Vida ativa e dieta balanceada ajudam a manter a saúde em dia

22 de Outubro de 2015

Doenças infecciosas: conheça quais os tipos mais comuns